Artigos | Articulistas
Fonte: Côn. José Geraldo Vidigal + Ver Mais Artigo do Autor

Côn. José Geraldo
Sobre o Autor - Etiam metus nunc, tincidunt non viverra non, porta et magna. Proin at fringilla enim. Cras vulputate nunc nec tortor tempor dignissim. Quisque feugiat odio ac lacus placerat scelerisque. Pellentesque Quisque feugiat odio ac lacus placerat scelerisque. Pellentesque Quisque feugiat odio ac lacus placerat scelerisque. Pellentesque
Mariana,MG - Brasil

Preces pelos fiéis Falecidos - 31/10/2012 - 9:00

Em novembro preces especiais são elevadas a Deus pelos falecidos. A existência do Purgatório foi definida em dois Concílios Ecumênicos: no de Florença, no século XV, e no de Trento, no século seguinte. Deste Concílio este texto: “A Igreja Católica, instruída pelo Espírito Santo, baseada nas Escrituras Sagradas e nas antigas tradições dos Padres, declarou nos Santos Concílios que existe um Purgatório, e que as almas nele detidas podem ser auxiliadas pelos sufrágios dos fiéis, mas principalmente pelo Sacrifício do altar”. Lemos no segundo livro dos Macabeus (2 Mac. 12,43-46 que Judas Macabeu vencera Górgias numa batalha. Ao sepultar os seus mortos encontrou em suas túnicas algumas moedas tomadas das ofertas feitas aos ídolos de Jâmnia, o que era contra a Lei (Deut. 7,25). Fez uma coleta, recolheu 12 mil dracmas de prata e enviou-as a Jerusalém, para que se oferecesse um sacrifício pelos pecados dos mortos. Não julgou que eles tivessem pecado mortalmente, “pois considerou que, tendo morrido piedosamente, tinham assegurado uma grande paz”. Vem então a grande diretriz bíblica: “É um santo e salutar pensamento orar pelos defuntos, a fim de que sejam livres dos seus pecados”. Havia, portanto, entre os judeus a crença num lugar de purificação na outra vida. Jesus  fala de perdão de pecados “no outro mundo” (Mt. 12,32), o que se refere ao Purgatório. S. Paulo, fala de pecados leves que serão queimados pelo fogo, (1 Cor. 3,11-15); referindo-se igualmente ao Purgatório. No século terceiro. Tertuliano  já falava de Missas de aniversário de defuntos: “Consagramos um dia por ano a oblações pelos mortos, como se fora dia de seu nascimento”. Santo Agostinho, no século quinto, escreve que sua mãe, Santa Mônica, lhe disse, já prestes a morrer: “Enterre este meu corpo onde quiseres, e não te incomodes mais com ele. Uma coisa te peço: onde quer que estiveres, lembra-te de mim ao altar do Senhor” (Conf., 9,27). S. Cirilo de Jerusalém (315-386) afirmou: “Rogamos por todos os que faleceram em comunhão conosco, pois cremos que suas almas recebem grande auxílio, quando oramos por elas, e principalmente quando por elas oferecemos o santo Sacrifício”. De S. João Crisóstomo (344-407) estas palavras: “Não são vãs as oblações que fazemos pelos defuntos; não são vãs as súplicas; não são vãs as esmolas”. Todas as antigas Liturgias, do Oriente como do Ocidente, contém orações pelos mortos. É que  muitos morrem com pecados veniais, ou sem ter pago à divina justiça a pena temporal devida a seus pecados graves. O mês de novembro, consagrado aos fiéis defuntos,  é, por tudo isto, um tempo em que se renova a crença firme na vida eterna, multiplicando-se as preces pelos que já deixaram este mundo. Deus é o Senhor  da vida e da morte (Os 13, 14; Dt 32, 39; 1 Sam 2, 6). Cristo tem as chaves do reino dos mortos (Ap 1, 18; 1 Ped 4, 5-6; Ef 4, 8-10). O Redentor comunica a vida ao mundo pela Sua Ressurreição (Jo 7, 37; 10, 14; 12, 20-) e redime-nos por ela (Rm 4, 24; 10, 9; 2 Cor 5, 14-16) . A Ressurreição de Jesus é a causa da nossa ressurreição escatológica (1 Cor 15, 1 ss); batismal (Rom 6,1-11) e moral (Ef 4, 17-24). Cristo  foi claro: “Eu sou a ressurreição e a vida. O que crê em mim ainda que esteja morto viverá e  todo o que vive e crê em mim, não morrerá eternamente” (Jo 11,15). Donde a conclusão  de São Paulo ao falar da ressurreição final: “Consolai-vos, pois, uns aos outros com estas palavras” (1 Ts 4,17). Aconselha, porém:  “Se, pois, ressuscitastes com Cristo (no batismo), procurai as coisas do alto, onde Cristo está sentado à direita de Deus. Pensai nas coisas do alto, e não nas da terra, pois morrestes (para as coisas do mundo) e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus” (Cl 3,1). Com Paulo proclamemos então: “Onde está ó morte a tua vitória?” (1 Cor 15,55)

* Professor no Seminário de Mariana durante 40 anos

????? ??????? ?? ?????????? ??? "?????????? ? ????????"????????, ????? ????????? "?????? ? ???? ????????? ????????"????? ?????.

?? ? ??????? ?? ?????????? ?????????????? ??????? ? ??????? "??????? ????? ??? ?????"??????, ??? ???? ?????????? ? ???????????, ??? ???????? "????? ?????????? ???????"?? ??????.

?? ??????????? ????????? ??????.

?? ????? "??????? ???????? ?????? ???????"??? ????? ????????, ???? ??? ??? ??? ???????? ?? "???????? ?????? ???????"????? ????? ?.

??????? "????????? ??????? ??????????"??, ??????? ?????? ??? ?????????? ???????? ??? "??????? ???? ?????????? ??????? ????? ???????"???? ???????? ??? ??? ???????????? ????????.

6 ? ? "??????? ????? ????????"??? ????? ????? ? ????? ?????? ??????, "??????? iphone box"??? ???????, ????? ???? ?????, ??????????? ? ???????????.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Articulistas         Catolicanet
Teresa D’Ávila: oração e contemplação
No dia 15 de outubro recorda-se na Igreja uma mulher...
Pe Geovane Saraiva 17.10.2017
História da humanidade
O tema parece bastante abrangente, mas pode ser visto de...
Dom Paulo Mendes Peixoto 16.10.2017
Marcelo Rezende morreu crendo que a oração o salvaria
“De todos os homens maus os homens maus religiosos são...
Pe. Inácio José do Vale 16.10.2017
Cursos
Buscar Cursos
 
 
Catequese Inclusiva
O Curso on line de catequese Inclusiva, tem como objetivo incentivar os ...

R$65.00


Curso para Catequista
*Cá entre nós* é um convite, um chamado para bater um papo amigo. É a ...

R$68.00


- Curso Bíblico Nível I
- Curso de Comunicação
+ Ver todos os cursos
 

Banner

Catolicanet - Tel: 55 (0xx) 11 5660-6800
Atendimento disponível das 08:00 às 12:00 e das 13:00 às 17:00hs,
exceto Sábados, Domingos e Feriados.

Sobre a Catolicanet Imprensa Contato Política de Privacidade

2017 - Todos os direitos reservados - www.catolicanet.com.br Desenvolvido por: Grupo O.F.